Os machucados do tecido acrobático

Quem aí está sempre ganhando machucados do tecido acrobático?

A gente sabe que ter uns roxos ou queimados é normal. Pés, coxas, costas, axilas… cada hora num lugar diferente. É super normal isso acontecer. Toda vez que treinamos um truque novo, que tem pressão em determinado lugar ou impacto ou que o tecido passa rapidamente por aquela área da pele, podemos sofrer lesões. Com o tempo a pele acostuma. E quando treinamos outra coisa nova, em uma área que não está acostumada, nos machucamos de novo. É NORMAL!

Postei outro dia nos stories sobre isso, mostrando o remédio que eu uso, já que muita gente me pergunta. Então eu recebi várias mensagens de seguidores dizendo o que eles usavam e vou compartilhar aqui.

Lembrando que cada remédio tem suas particularidades e cada pessoa reage de forma diferente. É sempre bom consultar um médico.

Use sempre roupas adequadas para a prática. Mas mesmo assim, principalmente os roxos, é muito difícil evitar, já que a pressão e o impacto acontecem independente da roupa que você esteja usando.

Roxos que ganhei nos ensaios pra MCCA 2018

ROXOS
Já usei muito Reparil para os roxos que eu ganhava da vida. Quando comecei a praticar tecido, esses roxos se tornaram mais constantes e cada vez maiores. Até que eu descobri uma pomada chamada Trombofob, que foi receitada pra minha avó. Eu estava com um roxo enorme e dolorido na coxa, por cauda de uma queda que eu estava treinando. Passei o Trombofob quando cheguei da aula e no dia seguinte já vi diferença. A cor estava mais clara e bem menos dolorido. Em menos de uma semana eu não tinha mais nada. Recebi dos seguidores mais duas dicas: Hirudoid (que eu também já usei e é ótima) e Flexive. É sempre bom variar nas pomadas, pois o corpo acostuma e pode acabar diminuindo o efeito.

 

 

 

 

Buffalo Wax para hidratação e cicatrização

QUEIMADOS/RALADOS
Quando comecei a me queimar/esfolar no tecido, não sabia o que passar. Eu sempre usava Bepantol, só como uma forma de hidratar a pele mesmo e ajudava. Hoje, eu uso a Buffalo Wax. Recebi de seguidores as seguintes dicas: Cicaplast, Pasta d´água, Nistatina, Óxido de zinco, Dersani, Queimalive e Arnica gel.

A Buffalo Wax é uma pomada natural, que eu conheci através da galera do CrossFit. Eles usam para as mãos que vivem abrindo por causa das barras de ferro. Por isso, pra galera da lira e do trapézio, essa dica também vai ser muito útil. A Buffalo Wax hidrata, cicatriza queimado, ralado, feridas, serve para hidratar lábios e proteger do frio. É 100% natural (uma mistura de óleos) e tem versão vegana (sem cera de abelha). A versão normal é mais consistente, como uma pasta mesmo e não tem cheiro. A vegana é mais “molinha”, se você coloca o dedo ela já começa a derreter com o calor da sua mão. Achei muito gostosa para usar como protetor labial e tem um cheio parecido com manteiga de cacau. Eu amei as duas versões.
Agora sempre deixo na bolsa e uso como protetor labial. Serve para áreas ressecadas também. É tipo uma pomadinha milagrosa hahaha

 

 

 

Fiz até um antes e depois para vocês verem. Fiquei com os 2 pés machucados, de tanto treinar a queda pro pé, para a MCCA 2018. É um local ingrato, onde pega meia, sapato machuca, doía para sentar no chão com as pernas cruzadas… e em pouco tempo a Buffalo Wax deu uma bela cicatrizada. Fiquei super feliz com o resultado.

antes e depois com Buffalo Wax

 

Espero que essas dicas te ajudem a se recuperarem rapidamente e continuarem os treinos!!!

Comments

comments

Você pode gostar...